KOROVA

Há algum tempo acompanho a marca Korova e sempre achei bacana. Nesse tempo, conheci o Korova em pessoa, já trabalhei fotografando a vida noturna das festas que ele fazia, enquanto isso a marca crescia. Sempre quis fotografar pra marca, pois representa um estilo autêntico, sem muita frescura, e no aspecto fotográfico da moda é exatamente o que gosto de fotografar, lifestyle.

Ao longo do último mês criamos dois editoriais pra começar a esquentar o obturador. Bacana fazer esse trabalho em equipe, com a Carol na produção e o Levi como diretor de arte. Que venham outros já que estamos afiados ! Acabei usando luz no primeiro ensaio pois era uma garagem, mas a minha idéia nessa marca é usar apenas a 50mm e rebatedor, seguindo o raciocínio que menos é mais e lifestyle é verdadeiro. Confere aí algumas fotos dos bastidores do ensaio e do resultado final. #Teamkorova

Imagem

Imagem

ImagemImagemImagemImagemImagem

Imagem

 

Imagem

 

Estou sempre postando algo no http://www.facebook.com/gabrielvanini
Boas fotos !

Advertisements

Assistências Fotográficas

Com a chegada do final do ano resolvi fazer uma retrospectiva fotográfica dos trabalhos que acompanhei em 2012.  Hoje pra mim é mais claro enxergar que a fotografia é uma profissão de carreira, ou seja,  constrói-se ao longo do amadurecimento, além disso, mesmo imersos em meio profissional rápido e substituível, é notável que as relações profissionais fotográficas continuam como sempre caminhou a humanidade, a base da indicação, integridade, ética,  além de bom relacionamento com as pessoas.

Com isso em mente, pensei em acompanhar o máximo de profissionais possíveis, afim de observar como trabalham e o que espera-se desses profissionais no mercado de trabalho. O primeiro contato que tive com essa experiência foi em 2010 com o Michel Téo Sin, fruto de uma entrevista oportuna onde batemos um papo fotográfico, onde  passei a acompanhar o fotógrafo de idéias.  Não existia pessoa melhor no mundo para ajudar um entusiasta a fotografia a resolver seus conflitos existenciais básicos no início dessa carreira. Com questionamentos contundentes, técnica apurada, domínio total do conhecimento, e com uma disciplina louvável digna dos orientais, me ajudou muito a descobrir aspectos básicos de ética, profissionalismo e prosperidade fotográfica, que fariam muitos desistirem da verdadeira vontade de ser fotógrafo !

A vontade de trabalhar com outras pessoas fez surgir oportunidades,  e já com idéias mais claras do ‘afunilamento de segmentos’ as assistências encaminharam-se para acompanhar os sets dos fotógrafos de moda. Realizei trabalhos com o Walmor de Oliveira, Frank Silveira, Diogo Pedro, Ge Prado, Pedro Caetano, Denny Sach, o Fabrício Sousa em casamento e o André Motta na cultura, entre outros, e desde o início do ano tenho acompanhado o Gilson de Rezende na moda, em outra fase de amadurecimento profissional, em que ele tem contribuído muito em uma evolução existencial com ênfase na ética, na calma, nas energias que nos cercam,  no relacionamento com as pessoas e na ansiedade em relação a expectativas  e prosperidade.

Durante a retrospectiva,  entendi que deve-se tirar o melhor de cada um, observando todos os aspectos possíveis, desde de domínio de set, relação com os clientes e equipe, pós produção, técnica, domínio de luz, improviso e não menos importante, a arte fotográfica. Briefings a parte, a ‘dança da composição’ fotográfica sempre acontece durante um trabalho, e são esses pequenos detalhes e características que  formam a personalidade de cada profissional,  é preciso atenção para identificar essas peculiaridades pessoais afim de absorver  lições para si, e para posterioridade fotográfica.

Humildade é fator essencial neste processo. Agradeço muito as oportunidades que todos esses profissionais me proporcionaram, sem dúvida aprendi muito além da fotografia,  mas sim lições de vida quais vou levar pra sempre na minha carreira e na minha vida pessoal, até porque, para um autônomo, é tudo uma coisa só.

Você quer ser um assistente fotográfico ? Encontre um profissional qual admira e entre em contato com ele. Não desista se não for bem sucedido de primeira, a construção de um relacionamento de assistente e fotógrafo não é nada mais que uma contrução de relação de amizade. Bom trabalho !

André Motta
Franklin Silveira
Walmor de Oliveira
Gilson de Rezende
Michel Téo Sin
Diogo Pedro
Fabrício Sousa
Pedro Caetano
Ge Prado

Obrigado à todos os profissionais !